5 maneiras de utilizar o FGTS no seu financiamento imobiliário

Poucas pessoas sabem, mas é possível usar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em um financiamento imobiliário. Essa é uma reserva garantida a todo trabalhador, correspondendo a 8% do salário que o empregado recebe enquanto trabalha em determinada empresa. Ou seja, ele acaba funcionando como uma poupança compulsória, já que é depositado todos os meses pelo empregador.

Apesar de haver algumas particularidades para que esse valor possa ser utilizado, vale notar que ele serve tanto para dar a entrada no financiamento quanto para o pagamento das parcelas. Para decidir se esse é um bom passo a ser tomado, separamos algumas maneiras em que o FGTS pode ser utilizado para garantir o imóvel dos seus sonhos. Confira!

Para a compra do imóvel

O dinheiro pode ser utilizado para pagar a entrada do financiamento de um imóvel pronto.

Para a construção do imóvel

Caso você vá construir sua casa, o FGTS também pode ser utilizado. Nesse caso, a construção deve ser feita através de consórcio, corporativa ou contar com um agente financeiro. Também é obrigatório que o auxílio seja usado no mesmo município que o comprador resida e/ou trabalhe.

Para pagar um montante que você deve

Você também pode resgatar o dinheiro do FGTS para quitar uma dívida com financiamento imobiliário. No entanto, algumas exigências específicas são feitas nesse caso. Consulte seu financiador para saber mais.

Para pagar parte das parcelas

O valor das prestações pode ser reduzido em até 80% durante 12 meses, de acordo com a Caixa Econômica Federal. No entanto, o contrato deve estar de acordo com o Sistema Financeiro de Habitação.

Para liquidar o saldo devedor

Você pode diminuir o valor ou a quantidade de parcelas do financiamento, desde que a amortização das prestações sejam mais de 12. Dessa forma, além de reduzir o total, também é possível reduzir o tempo do financiamento.

Para encontrar o financiamento ideal para o imóvel dos seus sonhos, acesse nosso site e simule agora!

Comentários